Imagem: Prefeitura de Mariana

Vice-prefeito de Mariana é acusado de estuprar mulher em festa de aniversário em Nova Lima

O vice-prefeito de Mariana, Cristiano Vilas Boas (PT), é acusado de estuprar uma mulher durante uma comemoração de aniversário que ocorreu na madrugada do último sábado (2) para domingo (3). O evento foi realizado em uma residência de um condomínio fechado em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte. 

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a vítima estava com um casal de amigos na festa de aniversário e teria conhecido o autor no local. Ela alega que, inicialmente, recusou as investidas do suspeito mas, em um certo momento, o beijou e voltou a aproveitar o evento sem ter qualquer outro contato com ele. 

À polícia, a mulher informou que teria feito uso de bebida alcóolica e “ecstasy”, e por estar exausta, dormiu em um sofá do imóvel. Foi quando Cristiano a abordou e sugeriu que ela fosse para um quarto descansar. Ele a deixou no espaço e saiu logo em seguida, fechando a porta. 

Na manhã de domingo (3), por volta das 07h30min, a vítima teria acordado e percebido que estava sem a parte inferior da roupa íntima, e se deparou com o suspeito acariciando suas partes íntimas. A mulher alega que entrou em estado de choque e que questionou o homem sobre o que estava acontecendo. 

Ele se afastou e disse que havia uma química entre os dois e que ela estava consentindo o ato. O suspeito ainda teria perguntado a vítima se ela estava bem, oferecido um copo d’água e dito que sairia do quarto e ela não seria incomodada. 

A vítima informou que depois do ocorrido pegou seus pertences e deixou o local do evento em companhia do casal de amigos, que a deixaram próximo da residência deles em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. De lá, a mulher pegou um carro de aplicativo e foi até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ibirité. 

A Polícia Militar Ibirité realizou buscas pelo suspeito e logo depois de o terem localizado, o conduziram até a delegacia de Nova Lima onde ele foi ouvido e liberado por “falta de elementos que fundamentassem” a prisão, segundo informações da Polícia Civil. 

Cristiano Vilas Boas se pronunciou por meio de suas redes sociais alegando estar sendo injustamente acusado e destacou que não teria sido preso, como teria sido informado. Ele ainda compartilhou o despacho da Delegada da Polícia Civil em que consta que a prisão em flagrante não ocorreu por não terem sido apresentadas provas e testemunhas que confirmassem a acusação.

A equipe da Mariana FM segue tentando contato com a Polícia Civil de Nova Lima para mais atualizações sobre a investigação. Novas informações serão divulgadas nas redes sociais da emissora.

Acesse o áudio

Por Jaíne Cramer

Outras Notícias

Romeu Zema homenageia Sargento Roger Dias durante discurso na Medalha da Inconfidência

No último domingo (21), durante a cerimônia da Medalha da Inconfidência em Ouro Preto, o governador de Minas Gerais, ...

Homem é preso e dois adolescentes são detidos após roubo e agressão a idoso em Mariana

No último domingo (7), a Guarda Civil Municipal deteve dois adolescentes e prendeu em flagrante um homem, sob suspeit...

Traficante é preso em flagrante no bairro Cabanas em Mariana

No último sábado (16), por volta das 22h30m, uma equipe da Polícia Militar dirigia-se para prestar apoio a outra equi...

Corpo carbonizado é encontrado em casa incendiada em Lavras Novas distrito de Ouro Preto

Na madrugada da última terça-feira (12), por volta das 05h, uma mulher foi encontrada morta com o corpo carbonizado e...

Homem é preso em Ouro Preto após receber encomenda de haxixe pelos Correios

Na tarde da última segunda-feira (26), por volta das 16h, no bairro Antônio Dias, em Ouro Preto, a guarnição da Políc...

Homem é morto a tiros no bairro Cabanas em Mariana

Na tarde da última segunda-feira (12), por volta das 15h50, a guarnição da Polícia Militar foi acionada na rua Caeté,...